Uma batalha diária…

Amanhã, 21 de setembro, é o Dia Nacional da Luta das Pessoas com Deficiências. Essa data é celebrada desde 1982 e escolhida pela proximidade com a primavera e o dia da árvore, representando o nascimento de reinvindicações de cidadania e participação plena na sociedade, em igualdade de condições.

Só quem vive a exclusão sabe o que significa. O Antônio Demétrio Cavalcante, de 64 anos, conta sua experiência.

“Eu morava na casa da minha irmã. Saiu uma mancha vermelha no meu braço. Tempos depois, percebi no outro braço. Estava com hanseníase. Comecei o tratamento no posto de saúde. Meus amigos se afastaram. Fiquei pensando que não deveria haver preconceito. Poxa, eu não pedi para ficar adoecer. Quando conheci o GAMAH, em 2003, passei a me sentir útil. Aprendi a fazer tapetes e consigo ganhar um dinheirinho, que dá para pagar uma água, uma luz e comprar um gás. Me sinto honrado de estar trabalhando junto ao grupo”.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: